empreender

Vantagens e Desvantagens do de ter um e-commerce

e-commerce

Comércio eletrônico ou comércio eletrônico refere-se a atividades comerciais, como a compra e venda de produtos e serviços realizados por meio de sistemas eletrônicos, como a Internet e redes de computadores.

e-commerce

O comércio eletrônico provou ser uma alternativa adequada para pessoas que querem comprar e fazer transações nos limites de sua casa.

No entanto, existem certos desafios relacionados à segurança das informações confidenciais de um cliente que devem ser abordadas.

A história do comércio eletrônico data de 1970, quando o intercâmbio eletrônico de dados (EDI) e a transferência eletrônica de fundos foram introduzidos pela primeira vez.

Desde então, o rápido crescimento do comércio eletrônico invadiu quase todos os aspectos dos negócios, como gerenciamento da cadeia de suprimentos, processamento de transações, marketing na Internet e gerenciamento de estoques.

Mas, como qualquer negócio convencional, o comércio eletrônico também é caracterizado por algumas vantagens e desvantagens inerentes. Vamos dar uma olhada em algumas dessas importantes vantagens e desvantagens do comércio eletrônico.

Vantagens de um E-commerce

1. Alcance global

A maior e mais importante vantagem do comércio eletrônico é que ele permite que uma empresa ou indivíduo alcance o mercado global. Satisfaz as exigências do mercado nacional e internacional, porque suas atividades comerciais não são mais restritas por limites geográficos.

Com a ajuda do comércio eletrônico, até mesmo pequenas empresas podem acessar o mercado global para vender e comprar produtos e serviços.

2. Aberto 24 horas

Mesmo as restrições de tempo são inexistentes durante a realização de negócios, porque o comércio eletrônico permite a realização de transações comerciais 24 horas por dia e até mesmo em feriados e fins de semana.

Isso, por sua vez, aumenta significativamente as vendas e os lucros.

3. Melhores ofertas para os clientes

O comércio eletrônico oferece aos clientes a oportunidade de encontrar produtos mais baratos e de qualidade.

Com a ajuda do e-commerce, os consumidores podem facilmente pesquisar um produto específico e às vezes até encontrar o fabricante original para comprar um produto a um preço muito mais barato do que o cobrado pelo atacadista.

4. Sem problemas com compras convencionais

O comércio on-line também oferece aos compradores uma variedade maior de produtos e serviços para escolher, ao contrário das compras convencionais, sem o incômodo de carregar grandes sacolas de compras e ficar preso em congestionamentos, o que o torna mais conveniente e economiza tempo.

Além disso, as pessoas também encontram resenhas publicadas por outros clientes sobre produtos comprados em um site de comércio eletrônico específico, o que pode ajudar a tomar decisões de compra.

5. Custos mais baixos para o negócio

  •  
    • Para as empresas, o comércio eletrônico reduz significativamente os custos associados ao marketing, atendimento ao cliente, processamento, armazenamento e gerenciamento de estoque.
    • Reduz o período de tempo relacionado à reengenharia de processos comerciais , à customização de produtos para atender a demanda de clientes individuais, ao aumento da produtividade e ao atendimento ao cliente.
    • O comércio eletrônico reduz a carga de infraestrutura para a realização de negócios, bem como a configuração de lojas físicas e, portanto, aumenta o volume de recursos disponíveis para investimentos lucrativos.
    • Ele também permite que um eficiente atendimento ao cliente colete e gerencie informações relacionadas ao comportamento do cliente, o que, por sua vez, ajuda a desenvolver e adotar uma estratégia eficiente de marketing e promoção.

Desvantagens de um E-commerce

1. Autenticidade e segurança

Devido à falta de confiança, um grande número de pessoas não usa a Internet para qualquer tipo de transação financeira. 
Muitas pessoas têm reservas quanto à exigência de divulgar informações pessoais e privadas por motivos de segurança.

Algumas pessoas simplesmente se recusam a confiar na autenticidade de transações comerciais completamente impessoais, como no caso do comércio eletrônico.

2. Perda de tempo

O período de tempo necessário para entregar produtos físicos também pode ser bastante significativo no caso do comércio eletrônico. Portanto, não é adequado para produtos perecíveis, como alimentos.

Muitos telefonemas e e-mails podem ser necessários até você obter os produtos desejados.

3. Desvantagem

As pessoas preferem comprar de forma convencional do que usar o comércio eletrônico para comprar produtos alimentícios e objetos que devem ser sentidos e tocados antes de fazer a compra. Portanto, o comércio eletrônico não é adequado para esses setores comerciais.

No entanto, retornar o produto e obter um reembolso pode ser ainda mais problemático e exigir mais tempo do que comprar, caso você não esteja satisfeito com um determinado produto.

Portanto, ao avaliar os vários prós e contras do comércio eletrônico, podemos dizer que as vantagens do comércio eletrônico têm o potencial de superar as desvantagens.

Uma estratégia apropriada para resolver problemas técnicos e aumentar a confiança do cliente no sistema pode mudar o cenário atual e ajudar o comércio eletrônico a se adaptar às necessidades mutáveis ​​do mundo.

About the author

canada

Add Comment

Click here to post a comment

RSS Últimas Notícias

  • Veja as vagas de emprego do Sine Macapá para o dia 18 de fevereiro 18 de fevereiro de 2020
    São oportunidades para design gráfico, auxiliar de cozinha, operador de caixa, entre outros. Há oportunidade para cabeleireiro no Sine Amapá Celso Tavares/G1 O Sistema Nacional de Emprego no Amapá (Sine-AP) oferece vagas de empregos para Macapá. O número de vagas está disponível de acordo com as empresas cadastradas no Sine e são para todos os […]
  • Lucro da Neoenergia cresce 75,1% no 4º trimestre 18 de fevereiro de 2020
    O grupo registrou lucro líquido de R$ 618,4 milhões no período. O grupo Neoenergia registrou lucro líquido de R$ 618,4 milhões no quarto trimestre de 2019. O valor foi 75,1% superior ao observado em igual período do ano passado. Na mesma comparação, a receita líquida avançou 8,6%, para R$ 7,216 bilhões, e o lucro antes […]
  • Oi teve geração de caixa negativa de R$ 331 milhões em dezembro 18 de fevereiro de 2020
    A empresa, que está em recuperação judicial, reportou saldo final do caixa de R$ 1,91 bilhão. Logo da Oi visto em loja de São Paulo Paulo Whitaker/Reuters A geração de caixa operacional líquida da Oi ficou negativa em R$ 331 milhões em dezembro, conforme o relatório mensal de atividades da companhia, que está em recuperação […]
  • Ministro do TST considera greve abusiva e ilegal e autoriza sanções a petroleiros 18 de fevereiro de 2020
    Ives Gandra atendeu a pedido da Petrobras e considerou 'política' paralisação que dura 17 dias. Pela decisão, greve não pode permanecer nos moldes atuais, mas não há proibição. Faixa de protesto de petroleiros em greve, pedindo a suspensão das demissões em unidade de Petrobras em Araucária Ana Zimmerman/RPC O ministro Ives Gandra da Silva Martins […]
  • Lucro da Multiplan sobe 26,3% no quarto trimestre de 2019 17 de fevereiro de 2020
    A administradora de shopping centers registrou lucro líquido de R$ 142,3 milhões, no período. A Multiplan registrou, no quarto trimestre de 2019, um lucro líquido de R$ 142,3 milhões, um aumento de cerca de 26,3% em relação aos R$ 112,7 milhões apurados no mesmo período de 2018, com a alta de 5,5% da receita líquida […]